O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis. Fernando Pessoa

22
Nov 09

 

 

 

 

O Blogger, vem por este meio lamentar o falecimento do Dr. Jorge Ferreira.

Jorge Ferreira foi sem duvida um excelente homem, político e amigo.

 

Jorge Ferreira foi cabeça de lista as eleições legislativas de 2005 por Aveiro, homem que sempre vai ficar na memória dos Aveirenses pela luta que sempre fez na defesa dos interesses deste distrito.

 

“ Recordo com saudade um amigo, que estava sempre alegre e bem disposto, mesmo sabendo a doença que tinha”.

 

O blogger dirige a toda a família os mais profundos sentimentos.

Rui Pires da Silva

publicado por Rui Pires da Silva às 15:32

 .

 
Rui Pires da Silva deixa PND e admite filiar-se no PSD.


Segundo Rui Pires da Silva o partido “cometeu asneira atrás de asneira na preparação para os actos eleitorais”. Diz, ainda, que o PND não tem “pernas” para andar desta forma. “Ou Monteiro pega no partido, ou mais vale terminar com ele de vez”, desabafa o politico de 25 anos. Rui Pires da Silva afirma que não vai desaparecer da vida politica, pois foi eleito Deputado Municipal em Sever do Vouga onde concorreu como cabeça de lista para a Assembleia Municipal como independente na lista do PSD.

Confrontado sobre uma ligação ao PSD, Rui Pires da Silva diz que nunca escondeu o seu gosto pela política, mas que para já o seu partido é Sever do Vouga.

www.terranova.pt

publicado por Rui Pires da Silva às 15:30

06
Mai 09

Rui Pires da Silva, candidato à coordenação distrital de Aveiro do Partido da Nova Democracia (PND), diz que o partido poderá apresentar “várias” candidaturas a câmaras municipais e juntas de freguesia do distrito nas próximas eleições autárquicas, que se disputam veste ano.
 

Com a devida vénia :




 
Obter uma “significativa representação” no distrito é o objectivo do candidato à liderança do PND/Aveiro.

As eleições legislativas também não serão descuradas. “Nas legislativas vamos ser a voz dos descontentes de um distrito que sempre contribuiu fortemente para a riqueza do país sem nunca ter as respectivas contrapartidas”, disse o gestor comercial de 24 anos, natural de Cedrim, Sever do Vouga.

As eleições para a liderança da comissão distrital do PND decorrem a 8 de Maio, durante um congresso agendado para Lobão, Santa Maria da Feira.

 
Notícia publicada a 5 de Maio de 2009.
publicado por Rui Pires da Silva às 01:10

Rui Pires da Silva é candidato à distrital de Aveiro do PND. Eleições estão marcadas para 8 de Maio.

Rui Pires da Silva é o candidato à coordenação distrital de Aveiro do Partido da Nova Democracia (PND). As eleições estão marcadas para o próximo dia 8 de Maio, no congresso que irá decorrer em Santa Maria da Feira.

 

Com a devida vénia : Rádio Terra Nova


Rui Pires da Silva já foi o coordenador aveirense das Novas Gerações, o órgão político para a juventude da Nova Democracia, e membro da Direcção nacional desta estrutura. Actualmente faz parte do Conselho nacional, eleito em Janeiro na lista da actual líder, Maria Augusta Montes.


De acordo com uma nota do PND, o candidato à distrital de Aveiro reuniu “vários militantes activos” para formar a lista e promete lutar pelo distrito de Aveiro, “dentro e fora do partido”.

 

“As principais acções centram-se nas legislativas e nas autárquicas onde a nova Democracia procura ainda candidatos a várias Juntas e Municípios, mas pretende ter uma significativa representação após estes actos eleitorais.
 
publicado por Rui Pires da Silva às 01:09

 
Aveiro é dos principais 18 distritos de Portugal continental, caracterizando-se pela sua diversificação geográfica, que vai do mar até à serra, e por gentes de trabalho nos mais variados sectores de actividade.

Esta candidatura para a coordenação do PND-Aveiro propõe-se centrar a sua actuação na defesa intransigente dos interesses do distrito e na defesa dos seus valores. Instituições como a Universidade de Aveiro não podem ser ignoradas do panorama da investigação no país, e mesmo no mundo. O tecido produtivo tem, forçosamente, um papel importante. As indústrias dos moldes, calçado, metalomecânica, ramo automóvel, cerâmica, construção civil são apenas alguns dos muitos exemplos que proliferam pelos 19 concelhos que constituem este distrito.

Aveiro é também uma região rica em recursos naturais. A floresta, a vitivinicultura, a água (marcas como a Luso ou Serrana situam-se aqui), a gastronomia, a indústria pesqueira, o sal, a hortofloricultura e a agricultura em geral têm também um papel preponderante.

As praias, os museus, a ria, as aldeias rurais perdidas nas serranias são atractivos que trazem ao distrito de Aveiro milhares de turistas.
O dinamismo cultural está bem presente nas suas associações juvenis, culturais, desportivas e recreativas. As instituições sociais também desempenham um papel notável.

Por tudo isto se verifica que Aveiro é um distrito de atracção, nem sempre reconhecido pelos sucessivos governos.


Rui Pires da Silva

Aveiro, 1 de Maio de 2009
publicado por Rui Pires da Silva às 01:07

18
Abr 09
 
 
Cavaco acha que o Governo não escutou os seus avisos
 
 
O alerta que Cavaco Silva fez esta semana, à margem do Roteiro da Ciência, sobre a crise económica e financeira, tem implícita uma violenta crítica à falta de ‘cooperação estratégica’ por parte do Governo
 

Ao afirmar que Portugal tem de saber «onde quer estar quando a crise terminar», o Presidente da República estava, de facto, a acusar o Executivo de José Sócrates de ignorar os alertas que tem vindo a fazer desde a sua primeira mensagem de Ano Novo, em Janeiro de 2007. E isto porque, retira-se da declaração de Cavaco, o Governo continua a navegar à vista, sem uma estratégia definida, nem metas fixadas.

Recorde-se que nessa intervenção de há mais de dois anos o Presidente fixava objectivos em três áreas que considerava cruciais para o futuro do país. «É muito importante que em 2007 se registem progressos claros em, pelo menos, três grandes domínios da nossa vida colectiva: desenvolvimento económico, Educação e Justiça», apontava, sublinhando que Portugal estaria numa situação difícil caso não atingisse essas metas.

Ora, a situação económica está como se sabe; na abertura do último ano judicial Cavaco não deixou de fazer reparos ao estado da Justiça; e a Educação, como o Presidente exemplificou esta semana com o caso da Matemática, vai pelo mesmo caminho.

publicado por Rui Pires da Silva às 18:27

17
Abr 09

Professores de Aveiro merecem respeito.

 

O partido social democrata (PSD) veio hoje a Aveiro para mais uma sessão do fórum Portugal de Verdade.

A sessão teve lugar no Centro cultural e de congressos de Aveiro e contou com o antigo líder Marcelo Rebelo de Sousa como moderador.

O PSD convidou para oradores Nuno Crato (Professor de Matemática, ISEG-UTL)Natividade Correia (Professora do Ensino Secundário, Coimbra)José Manuel Canavarro (Professor Universitário, Universidade de Coimbra) .

Na minha opinião, é de lamentar que o principal líder da oposição venha a Aveiro falar de Educação e tenha como oradores professores da universidade de Coimbra e de Lisboa e uma professora se ensino secundário de Coimbra.
Considero tal atitude como uma tamanha falta de respeito com os professores de Aveiro.

Com todo o mérito que os senhores professores convidados tenham, não posso deixar passar em branco que nem um professor de Aveiro tenha estado presente como orador neste fórum.

Drª Manuela Ferreira Leite, fique a saber que Aveiro tem muitos bons professores, professores esse com provas dadas. Aveiro conta com uma das melhores universidades do país e mesmo da Europa, Aveiro conta com algumas das melhores escolas do ranking do ministério da Educação, Aveiro merece ser respeitada em tudo, mas neste caso no que diz respeito a educação.

Por tudo isto, acho que os Professores de Aveiro merecem da sua parte um pedido de desculpas.
 
publicado por Rui Pires da Silva às 14:49

22
Jan 09

 

Barack Obama, Presidente dos Estados Unidos, já está na Casa Branca.

publicado por Rui Pires da Silva às 05:59

19
Jan 09

Em 1999 o Concelho de Sever do Vouga contava com 11544 eleitores, mas no ano de 2007 contava apenas com 11268 eleitores ou seja em 8 anos o Município perdeu 2,39% de eleitores.

Com a devida vénia ao Jornal Beira Vouga

Esta redução do eleitorado é o resultado da queda de -1,11% em Cedrim, -4,90% no Couto Esteves, -3,10% em Paradela do Vouga, -3,12% em Pessegueiro, -3,12% em Rocas, -0,10% em Sever, -4,53% em Silva Escura e finalmente -1,11% em Dornelas o que faz um total de uma de uma diminuição de 2,39% de eleitores no nosso Município.

A minha questão é muito simples e directa, o que foi feito e o que pensa fazer o Executivo Municipal para inverter esta situação?

Todos nós sabemos da alta percentagem de desertificação que o interior está a passar, desertificação esta que a muito se deve às políticas economicistas praticadas pelo actual governo socialista, mas cabe ao poder local contrariar esta tendência que em nada favorece o nosso país, mas principalmente o nosso Município de Sever do Vouga.

Caros senhores, é necessário estimular a competitividade e inovação dos territórios, desenvolver actividades mais qualificantes e melhorar a empregabilidade.

É também importante definir e implementar uma estratégia de desenvolvimento rural que tenha em conta os problemas específicos dos territórios rurais, em especial os das áreas mais vulneráveis e ameaçadas de despovoamento.

Estando nós numa zona agrícola é importante que estas medidas incluam instrumentos de apoio ao aumento de competitividades nos sectores agrícolas e florestais, à gestão sustentável dos espaços rurais e dos recursos naturais, à diversificação da economia e do emprego municipal e garantir mais vida as zonas rurais.
Rui Pires da Silva (intervenção na última Assembleia Municipal)

publicado por Rui Pires da Silva às 13:32

Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

23
24
25
26
27
28

29
30


subscrever feeds
arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO