O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis. Fernando Pessoa

18
Abr 09
 
 
Cavaco acha que o Governo não escutou os seus avisos
 
 
O alerta que Cavaco Silva fez esta semana, à margem do Roteiro da Ciência, sobre a crise económica e financeira, tem implícita uma violenta crítica à falta de ‘cooperação estratégica’ por parte do Governo
 

Ao afirmar que Portugal tem de saber «onde quer estar quando a crise terminar», o Presidente da República estava, de facto, a acusar o Executivo de José Sócrates de ignorar os alertas que tem vindo a fazer desde a sua primeira mensagem de Ano Novo, em Janeiro de 2007. E isto porque, retira-se da declaração de Cavaco, o Governo continua a navegar à vista, sem uma estratégia definida, nem metas fixadas.

Recorde-se que nessa intervenção de há mais de dois anos o Presidente fixava objectivos em três áreas que considerava cruciais para o futuro do país. «É muito importante que em 2007 se registem progressos claros em, pelo menos, três grandes domínios da nossa vida colectiva: desenvolvimento económico, Educação e Justiça», apontava, sublinhando que Portugal estaria numa situação difícil caso não atingisse essas metas.

Ora, a situação económica está como se sabe; na abertura do último ano judicial Cavaco não deixou de fazer reparos ao estado da Justiça; e a Educação, como o Presidente exemplificou esta semana com o caso da Matemática, vai pelo mesmo caminho.

publicado por Rui Pires da Silva às 18:27

17
Abr 09

Professores de Aveiro merecem respeito.

 

O partido social democrata (PSD) veio hoje a Aveiro para mais uma sessão do fórum Portugal de Verdade.

A sessão teve lugar no Centro cultural e de congressos de Aveiro e contou com o antigo líder Marcelo Rebelo de Sousa como moderador.

O PSD convidou para oradores Nuno Crato (Professor de Matemática, ISEG-UTL)Natividade Correia (Professora do Ensino Secundário, Coimbra)José Manuel Canavarro (Professor Universitário, Universidade de Coimbra) .

Na minha opinião, é de lamentar que o principal líder da oposição venha a Aveiro falar de Educação e tenha como oradores professores da universidade de Coimbra e de Lisboa e uma professora se ensino secundário de Coimbra.
Considero tal atitude como uma tamanha falta de respeito com os professores de Aveiro.

Com todo o mérito que os senhores professores convidados tenham, não posso deixar passar em branco que nem um professor de Aveiro tenha estado presente como orador neste fórum.

Drª Manuela Ferreira Leite, fique a saber que Aveiro tem muitos bons professores, professores esse com provas dadas. Aveiro conta com uma das melhores universidades do país e mesmo da Europa, Aveiro conta com algumas das melhores escolas do ranking do ministério da Educação, Aveiro merece ser respeitada em tudo, mas neste caso no que diz respeito a educação.

Por tudo isto, acho que os Professores de Aveiro merecem da sua parte um pedido de desculpas.
 
publicado por Rui Pires da Silva às 14:49

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO