O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis. Fernando Pessoa

06
Mai 09

Rui Pires da Silva, candidato à coordenação distrital de Aveiro do Partido da Nova Democracia (PND), diz que o partido poderá apresentar “várias” candidaturas a câmaras municipais e juntas de freguesia do distrito nas próximas eleições autárquicas, que se disputam veste ano.
 

Com a devida vénia :




 
Obter uma “significativa representação” no distrito é o objectivo do candidato à liderança do PND/Aveiro.

As eleições legislativas também não serão descuradas. “Nas legislativas vamos ser a voz dos descontentes de um distrito que sempre contribuiu fortemente para a riqueza do país sem nunca ter as respectivas contrapartidas”, disse o gestor comercial de 24 anos, natural de Cedrim, Sever do Vouga.

As eleições para a liderança da comissão distrital do PND decorrem a 8 de Maio, durante um congresso agendado para Lobão, Santa Maria da Feira.

 
Notícia publicada a 5 de Maio de 2009.
publicado por Rui Pires da Silva às 01:10

Rui Pires da Silva é candidato à distrital de Aveiro do PND. Eleições estão marcadas para 8 de Maio.

Rui Pires da Silva é o candidato à coordenação distrital de Aveiro do Partido da Nova Democracia (PND). As eleições estão marcadas para o próximo dia 8 de Maio, no congresso que irá decorrer em Santa Maria da Feira.

 

Com a devida vénia : Rádio Terra Nova


Rui Pires da Silva já foi o coordenador aveirense das Novas Gerações, o órgão político para a juventude da Nova Democracia, e membro da Direcção nacional desta estrutura. Actualmente faz parte do Conselho nacional, eleito em Janeiro na lista da actual líder, Maria Augusta Montes.


De acordo com uma nota do PND, o candidato à distrital de Aveiro reuniu “vários militantes activos” para formar a lista e promete lutar pelo distrito de Aveiro, “dentro e fora do partido”.

 

“As principais acções centram-se nas legislativas e nas autárquicas onde a nova Democracia procura ainda candidatos a várias Juntas e Municípios, mas pretende ter uma significativa representação após estes actos eleitorais.
 
publicado por Rui Pires da Silva às 01:09

 
Aveiro é dos principais 18 distritos de Portugal continental, caracterizando-se pela sua diversificação geográfica, que vai do mar até à serra, e por gentes de trabalho nos mais variados sectores de actividade.

Esta candidatura para a coordenação do PND-Aveiro propõe-se centrar a sua actuação na defesa intransigente dos interesses do distrito e na defesa dos seus valores. Instituições como a Universidade de Aveiro não podem ser ignoradas do panorama da investigação no país, e mesmo no mundo. O tecido produtivo tem, forçosamente, um papel importante. As indústrias dos moldes, calçado, metalomecânica, ramo automóvel, cerâmica, construção civil são apenas alguns dos muitos exemplos que proliferam pelos 19 concelhos que constituem este distrito.

Aveiro é também uma região rica em recursos naturais. A floresta, a vitivinicultura, a água (marcas como a Luso ou Serrana situam-se aqui), a gastronomia, a indústria pesqueira, o sal, a hortofloricultura e a agricultura em geral têm também um papel preponderante.

As praias, os museus, a ria, as aldeias rurais perdidas nas serranias são atractivos que trazem ao distrito de Aveiro milhares de turistas.
O dinamismo cultural está bem presente nas suas associações juvenis, culturais, desportivas e recreativas. As instituições sociais também desempenham um papel notável.

Por tudo isto se verifica que Aveiro é um distrito de atracção, nem sempre reconhecido pelos sucessivos governos.


Rui Pires da Silva

Aveiro, 1 de Maio de 2009
publicado por Rui Pires da Silva às 01:07

Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO